Leandro Sapucahy faz apresntação no Dia do Trabalhador em Maricá

Share Button

Leandro Sapucahy faz apresntação no Dia do Trabalhador em MaricáO cantor e compositor Leandro Sapucahy é a atração principal do Dia do Trabalhador, comemorado na próxima quinta-feira (01/05). O show gratuito será na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, a partir das 19h. Promovido pela Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, o evento terá como abertura o projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”, com apresentação dos cantores Ricardo Pop, Roberta Tílio e Ricardo Agura.

Um dos responsáveis por comandar as rodas de samba do Esquenta, programa exibido aos domingos na Rede Globo, Leandro Sapucahy é considerado um dos grandes nomes da nova geração do samba. Na programação dominical, ele divide a cena com Arlindo Cruz, Mumuzinho, Péricles e Xande de Pilares (ex-vocalista do grupo Revelação). Com 16 anos de carreira como intérprete e 25 anos como produtor musical, Leandro Sapucahy promete apresentar em Maricá grandes sucessos de artistas consagrados. No repertório estão músicas de Zeca Pagodinho, Almir Guineto, Bezerra da Silva, Grupo Revelação, Arlindo Cruz, além de seus próprios hits, como “Polícia e Bandido”, “Meu nome é Favela”, “Comunidade”, “Fui Bandido” e algumas músicas do novo trabalho “DVD Favela Brasil 2 – Soldado do Samba”.

O cantor falou da expectativa de se apresentar na cidade. “Festa do Dia do Trabalhador é sempre muito legal, porque é dedicada para a galera que faz esse país andar pra frente, que trabalha de verdade e merece um pouco de lazer. A Prefeitura de Maricá está de parabéns por promover esse presente a essa brava gente brasileira”, declarou o artista.

Trabalhos do cantor

Iniciando a carreira profissional ainda na adolescência, Leandro lançou seu primeiro CD, batizado de “Cotidiano”, em 2006. O trabalho contou com a participação de Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e Marcelo D2. Em 2008, lançou seu segundo trabalho, intitulado “Favela Brasil”, que retrata o momento de caos vivido entre a favela e o asfalto na cidade do Rio de Janeiro. Em 2009, fez uma homenagem a Roberto Ribeiro, artista que aprendeu a admirar por influência de sua mãe, lançando um CD totalmente composto por músicas do artista, falecido em 1996.

Leandro Sapucahy acompanhou as mudanças ocorridas nas favelas e comunidades desde o lançamento de seu primeiro trabalho. E ele também mudou. Sem se afastar de suas características, o seu mais recente CD “Leandro Sapucahy – Malandro também ama” mostra um artista mais maduro e mais romântico, revelando o jeito carioca malandro de amar. ​Atualmente, Leandro Sapucahy decidiu inovar na produção do seu segundo DVD, o “Favela Brasil II – Soldado do Samba”, produzido como um passeio audiovisual pelo mundo do samba, narrando o cotidiano da cidade, seus personagens, a paz, a violência, os momentos de alegria, os becos e as vielas.

“Sob o Ceú, Sob o Sol de Maricá”

Iniciativa da Secretaria Municipal de Turismo e Lazer, o “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá” é realizado desde março de 2012. O projeto oferece gratuitamente shows em diversas praças da cidade, com objetivo de divulgar o talento dos cantores locais.

 

Share Button

Você pode gostar...